Ervas, Temperos e Especiarias – Noz Moscada
   Mário  Lôbo  │     13 de julho de 2016   │     11:00  │  0

NOZ MOSCADAnoz moscada

No princípio a Noz Moscada era utilizada para aromatizar cervejas. Na Itália era usada para perfumar as ruas em dias de grandes festas e comemorações. No século IV era tão cara que, para comprar meio quilo de noz moscada, era preciso pagar em forma de escambo três ovelhas, dois bezerros ou uma vaca, e era considerada um símbolo de status. Já no início do século XVIII, chegou a alcançar a reputação de um supermedicamento, e por isso lhe era atribuída a função de cura para cerca de 140 doenças.

A árvore da noz-moscada, a moscadeira, chega a ter até 15 metros de altura, é graciosa e muito perfumada. Possui folhas parecidas com as do louro, e suas flores têm a forma de sino. Tem várias ramas dispostas ao longo do tronco principal, sendo sua madeira muito boa para confecção de móveis. Seus frutos, parecidos com o damasco, só que da cor do limão, quando amadurecem se desintegram, revelando uma cobertura carmesim, que envolve uma única semente de coloração castanha, a qual depois de seca ao sol, se quebra e revela aquilo em que se constitui a noz moscada.

UTILIZAÇÃO NA CULINÁRIA

Seu sabor lembra uma mistura de pimenta-do-reino com canela, porém mais sutil e aromático.
É bastante usada na cozinha devido a sua versatilidade, servindo desde pratos doces e salgados a biscoitos, tortas, pudins e bolos, até carnes e aves, como condimento.
Deve ser usada de preferência moída na hora, pois perde suas propriedades palatáveis pouco tempo após ser moída.
sotello4everMuito útil e informativa essa série Ervas Temperos e Especiarias

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *